Clarinetista Leonardo Espinar Moraes; Clarinetista Beatriz Esteves Marciano; Regente da Banda Devanildo Aparecido Balmant; Clarinetista Danilo Aguiar de Paula; e a Agente Cultural Minae Shirosaki Marçal de Souza. Foto: Assessoria Prefeitura de Bauru

Alunos da Banda Sinfônica Municipal estão na final de concurso internacional

Oito alunos e ex-alunos da Banda Sinfônica de Bauru foram selecionados para a fase final do concurso “International Orchestra Auditions Awards”, promovido pela Universidade de Música Samnium, na Itália. A disputa, além de premiar com bolsas de estudo e diploma, selecionará músicos para integrar a equipe da Samnium Orquestra Sinfônica durante uma turnê programada para junho de 2021, com apresentações na Itália e no teatro Musikverein de Viena, na Áustria.

Na primeira fase, os musicistas enviaram vídeos de apresentações que concorreram com inscrições de 60 países e, de Bauru, foram selecionados as flautistas Ana Carolina Barbosa Bueno e Gabriela Gaspar Mauricio, os trompetistas Felipe Aguiar de Paula e Victor Atanazio Pires, os clarinetistas Beatriz Esteves Marciano, Danilo Aguiar de Paula e Leonardo Espinar Moraes, e o trombonista Bruno Celso Aguiar de Paula.

Agora, os alunos se preparam para enviar, até 31 de outubro, as performances em vídeo para a fase final. “Estamos muito felizes. Estamos torcendo para que todos consigam. Sabemos que a disputa é muito acirrada, então se tivermos um aluno, já vamos ficar muito felizes, mas torcemos para que todos consigam”, comenta o regente da Banda, Devanildo Aparecido Balmant.

A clarinetista Beatriz Esteves Marciano conta que os alunos souberam da oportunidade por meio da divulgação feita pelo maestro Jean Reis, diretor artístico do Festival Internacional de Música de Bauru – Fimub, e integrante da banca de jurados do concurso. Ela estudou uma peça por cerca de um mês antes de enviar o vídeo que a levou para a final. “Foi muito gratificante! Sinceramente, eu não esperava ter sido selecionada, pois eu já sabia da dimensão desse festival e já imaginava que seria muito concorrido”, conta Beatriz. A aluna conta, ainda, que, para se preparar para a final, pretende estudar todos os dias até a gravação.

Para o clarinetista Danilo Aguiar de Paula, a música faz parte da família: ele e mais quatro irmãos fazem parte da Banda Sinfônica Municipal. Danilo destaca que a formação musical é importante para conhecer outras culturas e gêneros musicais e ajuda no desenvolvimento humano e no convívio com as pessoas. “Aprendemos a respeitar o próximo e a trabalhar em grupo, já que aprendemos a tocar todos juntos.”

Leonardo Espinar Moraes, também estudante de clarinete, conta que também tem estudado o excerto orquestral que vai apresentar, além de escutá-lo com frequência. Para ele, receber a notícia da aprovação “foi um misto de surpresa, mas, ao mesmo tempo, de ansiedade e expectativa para a final”. O tão esperado anúncio do resultado do concurso deverá ser feito no dia 15 de novembro.

Para a Agente Cultural Minae Shirosaki Marçal de Souza, o resultado é fruto do trabalho que vem sendo desenvolvido pela Banda Sinfônica Municipal nos últimos 18 anos. A Banda foi fundada em 2002 e incentiva os jovens de Bauru a aperfeiçoarem o seu conhecimento musical.

O objetivo é promover o estudo técnico musical e agregar valores fundamentais na formação dos integrantes, estimulando o trabalho em grupo, cooperação, integração, autoafirmação, disciplina e respeito entre os seus componentes.

Os alunos recebem bolsas de estudo para frequentarem aulas gratuitas de teoria e prática musical. Os integrantes devem ter dedicação diária e estar matriculado no ensino regular da rede municipal, estadual ou particular.

A Banda Sinfônica Municipal de Bauru foi fundada pela Lei nº 4.861, em 2 de julho de 2002. A Banda Sinfônica é gerenciada e coordenada pela Secretaria Municipal de Cultura e mantida pela Prefeitura Municipal de Bauru.

Confira o vídeo de divulgação e o trecho de uma apresentação dos alunos:

Compartilhe nas Redes Sociais

+ Notícias